Francês se aposenta e revela: “Sampaoli me deixava ir a baladas e cuidava do meu cachorro”

Samir Nasri, ex-Arsenal e Seleção Francesa, disse que treinador gostava muito de seu futebol e permitia certas regalias

atualizado 28/09/2021 11:27

Getty Images

O francês Samir Nasri foi peça importante de times como Arsenal e Manchester City e da Seleção da França na última década. Agora aposentado, o meia revelou momentos da carreira e disse que Jorge Sampaoli gostava tanto de seu futebol que permitia alguns excessos como bebida e baladas.

Em entrevista ao Le Journal du Dimanche, o meia afirmou que o argentino liberava as farras, desde que o francês arrebentasse em campo. “Sampaoli me queria tanto que me disse: ‘Venha para o nosso time, você pode beber, ir para baladas, fazer o que você quiser, e eu te cobrirei com o clube. Eu só peço que você jogue bem no fim de semana'”, disse.

Nasri ainda disse que, caso precisasse ir à França ver sua família, o técnico ficava de babá de seu cachorro. “Se eu quisesse ver minha família em um fim de semana em que não tivesse que jogar, Sampaoli me disse que cuidaria do cachorro”, acrescentou o jogador, que ficou no Sevilla entre 2016 e 2017, por empréstimo do Manchester City.

 

Vídeos
Últimas notícias