*
 

A quarta rodada do Candangão começa neste sábado (3/2), com o jogo isolado entre Luziânia e Brasiliense. O atual campeão vai ao Estádio Serra do Lago, em Goiás, necessitando vencer para manter a tranquilidade. Mas, para tentar a segunda vitória no campeonato, tem que superar os desfalques de Luquinhas e Reinaldo. A partida começa às 17h.

Na última quarta-feira (31/1), o Brasiliense foi a Itapemirim (ES) para jogar pela Copa Verde, contra o Atlético-ES, e voltou com a derrota por 2×1. Na ocasião, Souza e Badhuga não tiveram condições de atuar, e Reinaldo saiu ainda no primeiro tempo, com dores na coxa.

De volta a Brasília, o técnico Rafael Toledo trabalhou com o elenco nessa sexta (2/2). “Fizemos o treino só para enfatizar posicionamento mesmo e dar uma condição de jogo para o sábado”, explica. “Deu para ajustar algumas situações”.

O Brasiliense, com uma derrota (para o Real) e uma vitória (sobre o Samambaia), ocupa a sexta posição. O Luziânia é o nono colocado, com dois pontos em dois jogos disputados. Os goianos enfrentariam o Paracatu fora de casa na quinta (1°), mas a chuva adiou mais uma partida neste Candangão.

Por isso, o clube goiano ficou uma semana sem jogar. “Para nós, não teve nenhuma vantagem. Estávamos lá, acabamos voltando e perdendo um dia de trabalho. Isso dificulta nossa sequência na semana”, lamenta o técnico Jairo Araújo. “E ainda vamos enfrentar a equipe favorita ao título”, completou.

O Luziânia, ainda em busca da primeira vitória, tem 100% do elenco disponível, mas Jairo se esquivou e disse que só definirá os titulares neste sábado: “Há possibilidade de mudanças”.

A rodada continua no domingo (4), com Paranoá x Sobradinho, Bolamense x Paracatu, Real x Ceilândia e Formosa x Santa Maria. A partida entre Gama e Samambaia, que seria disputada também no domingo, foi adiada para segunda-feira (5), no Estádio Bezerrão.