Árbitro de Brasil e Argentina diz que VAR não evitará todos os erros

A atuação do equatoriano no triunfo do Brasil por 2 x 0 na semifinal da Copa América foi muito criticada pela "Albiceleste"

Pedro Vilela/Getty ImagesPedro Vilela/Getty Images

atualizado 09/07/2019 21:38

Árbitro na vitória do Brasil sobre a Argentina nas semifinais da Copa América, o equatoriano Roddy Zambrano afirmou nesta terça-feira (09/07/2019) que, apesar de o VAR ser de grande ajuda para a equipe de arbitragem, a tecnologia não é capaz de eliminar todos os erros do futebol.

“O VAR não garante a ninguém que não vai haver erros. Isso é impossível, mesmo com o VAR. Eles não vão desaparecer nunca. Temos que conviver com isso”, disse Zambrano em entrevista à rádio equatoriana Super K-800.

A atuação do equatoriano no triunfo do Brasil por 2 x 0 foi muito criticada pela “Albiceleste”. O craque Lionel Messi e a Associação do Futebol Argentino (AFA) lideraram os questionamentos às decisões tomadas por Zambrano, reclamando que o árbitro não recorreu ao VAR em momentos importantes que teriam mudado o resultado do jogo.

Os dois lances mais questionados ocorreram no segundo tempo. A seleção argentina reclamou de pênalti de Daniel Alves em Sergio Agüero e de uma cotovelada de Arthur em Nicolás Otamendi, também dentro da área. Para o árbitro equatoriano, foi Agüero quem fez falta no lateral brasileiro.

“No lance de Alves contra Agüero, a perspectiva não permite uma apreciação clara, mas claramente o atacante pisa no defensor, faz uma entrada temerária. Obviamente, no jogo corrido, o lance não é visto assim. Por que não mostram a imagem por trás do gol?”, criticou Zambrano.

Já na segunda jogada, o árbitro disse não ter visto uma agressão de Arthur a Otamendi. Segundo ele, o VAR revisou o lance, mas não atuou por considerá-lo interpretativo, como prevê a regra.

“Vi o jogador caído, disse ao VAR que não vi [o lance]. O VAR revisou essa jogada e demorou um pouco. Eles disseram que era interpretativo, que Otamendi também se joga no defensor. Não é uma cotovelada – isso é cartão vermelho – é uma jogada em que Otamendi busca o choque. Quando é uma jogada cinza, o VAR não pode atuar”, explicou.

Zambrano também negou ter perdido a comunicação com o VAR durante o jogo, como indicaram alguns rumores divulgados após a partida, e disse ter ficado surpreso com as críticas de Messi à arbitragem. Segundo o craque argentino, houve armação para que o Brasil fosse o campeão do torneio.

“É um jogador que, no campo, se dedica a jogar, nunca tive problema maior com ele. Ele se aproximava em algumas situações, eu o tratei bem e ele também me tratou bem. Nunca pensei que fosse dar declarações assim à imprensa, mas é uma decisão dele”, afirmou Zambrano.

Classificação

PosTimePÚltimos
jogos
1Flamengo61
D W W W W
2Palmeiras53
D D L W W
3Santos51
W W W D W
4Corinthians44
W D D L D
5São Paulo43
D W D W L
6Internacional42
D D L D W
7Grêmio41
L D W W L
8Bahia41
W L D L W
9Athletico-PR38
D W D L W
10Goiás37
W W L W D
11Vasco34
W L D W W
12Atlético-MG32
L D L L D
13Botafogo30
L L W L L
14Fluminense29
W W D W L
15Fortaleza28
W L W L L
16Ceará26
L L L W L
17CSA26
L W W L D
18Cruzeiro25
L D D D W
19Avaí17
L L D L L
20Chapecoense16
L L L D L
Últimas notícias