“Não pode fazer sexo com animais”, diz piloto sobre coronavírus

O britânico George Russell, da Williams, contou ter lido isso em alguma campanha de prevenção da doença em seu país

atualizado 19/02/2020 15:02

Clive Mason/Getty Images

O coronavírus continua sendo pauta na Fórmula 1. A modalidade segue buscando uma alternativa para o GP da China, que seria em abril, mas foi adiado. Porém, os pilotos não parecem preocupados com o vírus e fazem até piada.

De acordo com a colunista do UOL Julianne Cerasoli, durante coletiva de imprensa na pré-temporada da Fórmula 1, em Barcelona, os pilotos foram questionados se haviam dado alguma recomendação para evitar a contaminação. Lando Norris (McLaren), Alex Albon (Red Bull) e Kimi Raikkonen (Alfa Romeo) negaram.

O britânico George Russell, da Williams, respondeu: “Não pode fazer sexo com animais”. Seus colegas de pista perguntaram a ele se a recomendação foi de sua equipe e ele contou que tinha lido em alguma campanha de prevenção da doença em seu país. O repórter inglês Luke Smith, explicou a declaração em seu Twitter.

A polêmica não rendeu muito. Os profissionais foram à pista pela primeira vez em 2020 e Valtteri Bottas, da Mercedes, cravou a marca de 1min17s313 na melhor de suas 78 voltas. Russel levou a Williams ao surpreendente 6º lugar, ficando apenas 0s855 atrás do finlandês.

Vídeos
Últimas notícias