Chefe da Williams testa positivo para Covid e perderá próxima corrida

Os demais integrantes da escuderia não foram afetados e estarão normalmente no circuito

atualizado 02/12/2021 16:25

Dan Istitene/Getty Images

O Grande Prêmio da Arábia Saudita, neste fim de semana, em Jeddah, será especial para a equipe Williams, que prestará homenagens a seu fundador, Frank Williams, que faleceu está semana aos 79 anos. Mas a escuderia não estará completa no circuito com a confirmação de Covid-19 de Jost Capito, CEO e chefe de equipe.

Capito testou positivo para Ccovid-19 antes de embarcar para o primeiro GPda Arábia Saudita, neste fim de semana, e ficará em isolamento na Inglaterra. Os demais integrantes da escuderia não foram afetados e estarão normalmente no circuito.

Capito assumiu o cargo de chefe da Williams em fevereiro, após a troca de donos da equipe, agora sob o comando de Dorilton Capital, e não está garantido nem na última etapa da temporada, dia 12, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.

“A FIA e a Fórmula 1 confirmam que o CEO e chefe de equipe da Williams Racing, Jost Capito, testou positivo para COVID-19 antes de viajar para Jeddah para o Grande Prêmio da Arábia Saudita neste fim de semana”, revelou a FIA, que completou:

“Jost está seguindo as diretrizes da autoridade nacional de saúde do Reino Unido. Não houve um impacto maior no pessoal da Williams Racing e a equipe continuará a operar na pista conforme planejado.”

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias