*
 

Karola (Deborah Secco), definitivamente, não dá uma dentro. Na companhia do filho, Valentim (Danilo Mesquita) – que na verdade foi roubado de Luzia (Giovanna Antonelli) logo após o nascimento –, a vilã com mania de grandeza encontra um jornalista e começa a contar histórias envolvendo Beto Falcão (Emílio Dantas). Afinal, a suposta viuvez é sua maior fonte de renda.

A certa altura, Karola pede para Valentim cantar uma música de Beto, algo que é imediatamente recusado pelo rapaz, que não aceita a farsa rocambolesca envolvendo a “morte” do pai. Sem graça, a megera insiste, mas o jovem volta a se negar a realizar o pedido dela. Já sem graça, a mãe age com aspereza e exige que o filho cante, mas Valentim perde a paciência e diz com todas as letras que não vai fazer isso, deixando Karola constrangida e humilhada diante da jornalista.

 

Mais tarde, com o clima péssimo entre eles, uma discussão acaba sendo inevitável. Então, Acácio (Danilo Ferreira) aparece para colocar panos quentes e tentar tranquilizar a situação. Depois de ouvir os dois lados da história, o capoeirista dá razão a Karola e afirma não entender como Valentim pode se recusar a cantar uma canção de seu pai, que é um verdadeiro ícone da música não só na Bahia, mas em todo o Brasil.

Irritado com o posicionamento do amigo, Valentim desiste de continuar no meio dos dois e vai embora resmungando, sentindo-se incompreendido.