Emilia Clarke foi pressionada a ficar nua em Game of Thrones

“Ia chorar no banheiro, e voltava para gravar como se tudo corresse bem”, recorda a atriz que interpretou Daenerys Targaryen

Emilia Clarke disse, em entrevista ao podcast Armchair Expert nesta segunda-feira, 18, que foi pressionada a realizar cenas de nudez em Game Of Thrones para não “decepcionar” os fãs da série.

A intérprete de Daenerys Targaryen recorda que ficar nua fazia parte do acordo e tinha plena consciência de que era algo da profissão de artista. “Eu tinha acabado de sair da escola de teatro e levei isso como qualquer outro trabalho. Se está no roteiro, eu pensei, obviamente é algo necessário para a trama”, afirmou.

No entanto, a prática não foi tão natural quanto ela imaginava. “Eu tive brigas no set em que eu dizia: ‘Não, o lençol vai me cobrir até o pescoço’. Aí eles retrucavam: ‘Você não quer decepcionar os fãs de GoT, quer?’. Eu respondia: ‘Vão se f****'”, recorda.

Como aquela era a primeira vez em que Emilia atuava em um set de grandes proporções, a mulher, que ainda estava com 24 anos, conta que não tinha experiência suficiente para brigar por seus direitos e, o que era para ser espontâneo, se tornou incômodo — sobretudo na primeira temporada. “Nunca antes eu tinha ficado nua na frente daquela multidão de pessoas [equipe de filmagem, artistas, diretores, etc]”, afirma.