Palhágico de Brasília sai do caos da pandemia e faz sucesso na web

Em meio à crise, Palhágico Chouchou focou em estratégias on-line e aumentou contratações em 70%. Ele virou case do Google

atualizado 23/07/2021 14:19

Palhaço ChouChouReprodução

Há quem diga que não existe receita única para o sucesso, mas há um ingrediente comum à maioria dos empreendedores que conseguiram se destacar em meio à crise imposta pela pandemia de Covid-19: a presença na internet. Galileu Fontes, que há três anos se apresenta como o Palhágico Chouchou em Brasília, entendeu rápido que precisava modernizar sua estratégia de trabalho quando o cenário de incertezas atingiu em cheio o setor cultural. Como resultado, ele não só conseguiu se manter na atividade, como aumentou em 70% o volume de contratações.

Em uma crescente desde que apresentou seu primeiro espetáculo de mágica e palhaçaria no curso de artes cênicas da Universidade de Brasília, o artista nunca tinha pensado em fazer apresentações on-line, até ter todos os 30 eventos da agenda desmarcados de uma só vez em março de 2020.

“Fiquei desesperado. Na faculdade a gente não aprende sobre marketing, sobre como vender nossa arte. Nunca imaginei ter que lidar com isso”, lembra. “A única coisa que eu não queria era ficar parado. Então, fui trocar figurinhas com outros colegas e resolvi fazer minha primeira live. Deu certo, eu percebi que o riso não tem fronteira e que era possível se conectar com público. A partir daí, comecei a dar aula de mágica para crianças e as coisas foram acontecendo”, completa.

Com o êxito da empreitada, o projeto foi ficando mais ambicioso. “Consegui colocar um cenário no Zoom, aprendi a fazer mágica usando os recursos da ferramenta e descobri que podia trabalhar assim em qualquer lugar do Brasil — e até do mundo”, diz.

Foi nessa época que ele foi convidado pelo Google para uma consultoria gratuita e começou a investir em anúncios pagos na plataforma, o que permitiu que ele fosse facilmente encontrado por pessoas que buscam artistas para trabalhar em festas infantis, por exemplo. “Assim comecei a me apresentar em São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Curitiba e até Manaus”, conta.

“Só neste mês de julho, Galileu tem 27 shows na agenda, entre apresentações presenciais e virtuais”, comemora. 

0

 

Case de sucesso

A história do Palhágico Chouchou virou case de sucesso do Google na apresentação do Relatório de Impacto Econômico da empresa. O documento aponta que as plataformas da multinacional movimentaram R$ 67 bilhões no Brasil em 2020 — 30% mais que em 2019. A gigante da teconologia também estima que o artista brasiliense integre o grupo de 207 mil empresas, publishers, organizações sem fins lucrativos, criadores de conteúdo e desenvolvedores de todo o país beneficiados pelas ferramentas.

Em entrevista ao Metrópoles, a gerente de negócios para pequenas e médias empresas do Google Brasil, Fernanda Doria, afirma que a história do mágico brasiliense foi mapeada por ser “um exemplo de como o uso da tecnologia se tornou um caminho sem volta para empreendedores”.

“O uso de tecnologia e dados para entender as mudanças de comportamento dos consumidores se tornou parte fundamental da estratégia de qualquer empresa e temos orgulho em afirmar que muitas pequenas e médias empresas iniciaram sua jornada digital com o apoio de nossas ferramentas”, avalia Fernanda. 

Entre elas, a executiva cita o programa Jornada Cresça com o Google, que oferece gratuitamente a empreendedores um programa de três dias pelos conceitos mais atuais de marketing digital, estratégia de marca, vendas on-line, ferramentas e soluções digitais, além de outras iniciativas voltadas a capacitação de mulheres empreendedoras, aperfeiçoamento de carreiras e impulsionamento de vendas.

O objetivo é justamente facilitar o acesso dos empresários, como ocorreu com o Palhágico. Para participar das próximas edições dos programas é preciso se inscrever no site Cresça com Google.

“Conectar as pessoas à informação é um poderoso catalisador que impulsiona o crescimento econômico e que a tecnologia precisa beneficiar a todos – para nós, isso significa que ela precisa ser acessível a todas as pessoas. Certamente a falta de conhecimento de como acessar essas informações é um obstáculo, mas em contrapartida, nós criamos soluções inovadoras que ajudam os brasileiros a encontrar as informações que precisam para tomar melhores decisões. Temos trabalhado em diversas frentes para capacitar empreendedores”, completa a porta-voz do Google.

Últimas notícias