K-Pop: Wonho, do Monsta X, anuncia saída do grupo

A decisão foi de comum acordo entre o cantor e a empresa Starship Entertainment, que gerencia o grupo

Seguido de acusações feitas pela atriz Jung Da Eun (25 anos), o idol Shin Hoseok (26 anos), mais conhecido como Wonho, anunciou sua saída do grupo de K-Pop Monsta X. A agência responsável por eles, a Starship Entertainment, emitiu um comunicado afirmando que as alegações contra o cantor são falsas e que está avaliando tomar medidas legais devido à propagação de rumores.

1/8
O grupo tem feito bastante sucesso nos últimos anos, apresentando-se no iHeart Jingle Ball e no festival Life is Beautiful em 2019
Wonho anunciou sua saída do grupo após uma controvérsia envolvendo a atriz Jung Da Eun
Minhyuk
Kihyun
Shownu, o líder e membro mais velho do grupo
Hyungwon
O rapper, I.M.
Rapper principal, Joohoney (Jooheon)

Segundo a atriz, o cantor lhe devia dinheiro e ainda havia roubado alguns de seus pertences para vendê-los na internet. Ela revelou que, quando os dois moravam juntos, Wonho não pagou sua metade do aluguel. “Meus 10 milhões de wones (R$ 34,3 mil) foram roubados”, disse, em uma suposta conversa com o advogado do artista. “Ele também […] pegou emprestado uma vez 3 milhões de wones (R$ 10,3 mil) e, em outra situação, 5 milhões de wones (R$ 17,1 mil) – sempre prometendo me pagar de volta”.

De acordo a atriz, o membro do Monsta X teria afirmado que seu saldo não havia sido liquidado pela agência, e que, quando ele começou a pagá-la de volta, só conseguiu devolver 2 milhões de wones (R$ 6,8 mil) ao longo de dois dias, por conta de limites de gastos diários.

Nessa quinta-feira (31/10/2019), a companhia Starship Entertainment anunciou que, após discutir a situação com Wonho, eles viram no afastamento do cantor a melhor opção. “Respeitamos a decisão de Wonho, que quer ter certeza de que os eventos recentes não distraiam de todas as coisas boas que estão acontecendo com o Monsta X e o que os aguarda no futuro”, escreveram em nota oficial.

Rapidamente, os monbebes (como são chamados os fãs do grupo) foram ao Twitter protestar contra o ocorrido, colocando o assunto no Trending Topics do Twitter – os assuntos mais comentados. Uma das hashtags é apenas o nome do cantor, enquanto outra é uma frase em coreano se opondo à retirada do idol. Wonho também se manifestou sobre a decisão, agradecendo aos fãs pelo apoio contínuo em uma carta escrita à mão.

“Eu sinto muito que os membros [do grupo] tenham  de sofrer danos por conta de situações escandalosas relacionadas a mim. Estou decepcionado por desapontar os fãs que acreditaram em mim. Tomei essa decisão por que não consegui aguentar ver tantas pessoas sofrendo por mim”, concluiu.

O Monsta X está confirmado para cantar no iHeart Radio Jingle Ball em dezembro, acompanhado de artistas como Taylor Swift e os Jonas Brothers. Eles também colaboraram com Steve Aoki e French Montana.