Museu em Águas Claras ensina aos jovens importância do meio ambiente

O local possui animais taxidermizados e cenografia que imita a natureza. O passeio conta com trilhas ecológicas e caça ao tesouro

Depois de passar quatro meses fechado, o Museu Ambiental da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), voltou a funcionar nesta segunda-feira (11/6), no Parque de Águas Claras.

O local, totalmente repaginado, é utilizado pelos agentes para explicar o valor do meio ambiente às famílias e aos alunos de escolas públicas que visitam o parque.

A antiga casa de madeira pintada de branco ganhou uma cenografia que imita a natureza. “É como se as crianças estivessem no meio do ambiente natural”, explica Daibes Ottoni.

Cabo do Comando de Policiamento Ambiental da PMDF, Ottoni é artista plástico formado pela Universidade de Brasília (UnB). Além de ser um dos responsáveis pela arte no museu, ele media a visita das crianças.

1/13

Michael Melo/Metrópoles Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles e siga a editoria no Instagram.
Michael Melo/Metrópoles Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles e siga a editoria no Instagram.
Michael Melo/Metrópoles Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles e siga a editoria no Instagram.
Michael Melo/Metrópoles Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles e siga a editoria no Instagram.
Michael Melo/Metrópoles Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles e siga a editoria no Instagram.
Michael Melo/Metrópoles Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles e siga a editoria no Instagram.
Michael Melo/Metrópoles Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles e siga a editoria no Instagram.
Michael Melo/Metrópoles Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles e siga a editoria no Instagram.
Michael Melo/Metrópoles Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles e siga a editoria no Instagram.

Consciência ambiental
“Por acompanharmos de perto muitos dos crimes ambientais que ocorrem na capital, vemos a importância da criação de uma consciência ambiental ainda na infância. Então, não só mostramos o espaço, como temos várias conversas e fazemos brincadeiras com os jovens”, explica o tenente.

Além dos desenhos realizados no interior do museu, o espaço conta com diversos animais taxidermizados. “As crianças passam a conhecer de perto espécimes como lobo-guará, jacaré, macaco-prego e tatu”. O trabalho foi realizado por César Leão, que já realizou diversas exposições semelhantes pela cidade.

O passeio dura cerca de uma hora e meia, conta com trilha ecológica, caça ao tesouro, contação de histórias e palestra de um servidor do Instituto Brasília Ambiental — órgão responsável por gerir o parque.

A expectativa da PMDF é que o espaço receba entre 15 e 40 crianças por dia. O passeio, que ocorre de segunda a sexta, entre 8h e 18h, deve ser agendado pelo e-mail neam.cpam@gmail.com.