Mesmo cancelado, Festival de Cannes divulga seleção: veja filme brasileiro

Casa de Antiguidades, do brasileiro João Paulo Miranda, é um dos 56 longas que poderão ostentar o selo de aprovação oficial do festival

atualizado 03/06/2020 16:11

cena do filme Casa de AntiguidadesDivulgação

Após anunciar o cancelamento do Festival de Cannes, em 2020, o júri decidiu divulgar também, nesta quarta (03/06), a lista de longas selecionados pelo júri do evento. Agora, 56 longas têm o direito de ostentar o selo de aprovação oficial do festival, mesmo que não tenham de fato concorrido a seus prêmios.

Entre os escolhidos, há também o brasileiro Casa de Antiguidades, de João Paulo Miranda, que teve seu roteiro desenvolvido numa residência do festival francês.

O filme retrata a vida de um operário negro em uma cidade fictícia de colonização austríaca no sul do Brasil. Além de tocar em temas como o racismo, parte da polarização política de 2018 também é abordada pela trama.

Completam a lista de selecionados do festival Da 5 Bloods, de Spike Lee, Soul, de Pete Docter, The French Dispatch, de Wes Anderson, Memória, de Apichatpong Weerasethakul, Ammonite, de Francis Lee, e Limbo, de Ben Sharrock.

Últimas notícias