Veja a previsão de entrega de 5 viadutos em construção no DF

Obras no Sudoeste, Asa Sul, Recanto das Emas, Itapoã e Sobradinho, além do túnel de Taguatinga, prometem melhorar a vida de 330 mil pessoas

atualizado 17/05/2022 18:40

foto colorida operário da obraDivulgação/Agência Brasília

Para melhorar a vida dos motoristas brasilienses, cinco viadutos, além do túnel de Taguatinga, estão em construção no Distrito Federal. As obras devem beneficiar mais de 330 mil pessoas. O que todo mundo quer saber é quando eles ficam prontos.

“Túnel de Taguatinga será inaugurado em junho deste ano”, diz Ibaneis

Os viadutos estão sendo construídos no final da Asa Sul, do Sudoeste, Itapoã, em Sobradinho e no Recanto das Emas.

Na Asa Sul, as obras entraram em fase final e já estão 80% concluídas, segundo a Secretaria de Obras (SODF). Serão dois viadutos na Estrada Setor Policial Militar (ESPM) com previsão de entrega para o segundo semestre deste ano.

0

A obra, de R$ 9,1 milhões, está gerando 150 empregos diretos e indiretos. Pelo local passarão 20 mil veículos. O primeiro viaduto ficará na alça de acesso da ESPM ao Eixo W, conhecido com “eixinho de cima”. Já o outro viaduto será na alça de acesso ao Eixo Rodoviário Leste (ERL), sentido via L4.

“A laje dos viadutos será concretada ainda em maio. Ao mesmo tempo, estão sendo feitos os serviços de drenagem e terraplenagem das vias”, afirma o subsecretário de Acompanhamento e Fiscalização, Ricardo Terenzi.

Sudoeste

Iniciadas em 23 de fevereiro, as obras do viaduto da Estrada Parque Indústrias Gráficas (Epig), entre o Sudoeste e o Parque da Cidade, estão 25% prontas. Com investimento de R$ 25 milhões, a construção vai impactar a vida de 25 mil motoristas.

O viaduto se encontra na fase de escavação entre o parque e o Sudoeste e tem como prazo de conclusão setembro deste ano. As máquinas estão trabalhando, inclusive, à noite.

Com o intuito de diminuir a quantidade de semáforos na Epig, a previsão é que o engarrafamento na saída do parque acabe. O  viaduto também reduzirá o tempo dos motoristas que saem do Sudoeste nos horários de pico.

“Essas retenções deixarão de existir e o tráfego fluirá, sem paradas”, explica o engenheiro civil Carlos Magno, executor de contrato da Secretaria de Obras.

Recanto das Emas

No Recanto das Emas, o viaduto entre a região administrativa e o Riacho Fundo II se encontra com 65% de execução. A obra mudará a rotina de 80 mil motoristas que passam pela região diariamente.

Por meio de um investimento de R$ 30,9 milhões e a geração de 400 empregos, a obra deve ficar pronta até o fim de junho. Além de ajudar as duas cidades, o viaduto deve desafogar o trânsito de quem segue para o Gama e para Santa Maria.

Itapoã/Paranoá

As obras do viaduto do Itapoã e Paranoá se encontram com 15% de execução. Iniciadas em setembro de 2021, a construção conta com investimento de R$ 33 milhões e vão beneficiar mais de 30 mil motoristas diariamente. A previsão de entrega é para setembro.

Sobradinho

As obras do viaduto de Sobradinho começaram em fevereiro deste ano. Na altura do estádio Augustinho Lima, o empreendimento pretende facilitar a vida de 70 mil motoristas quando pronto.

A construção conta com investimento de R$ 33 milhões e deve ficar pronta até o final de 2022. O projeto vai completar o complexo viário Joaquim Roriz na Saída Norte, inaugurado em maio de 2021.

Túnel de Taguatinga

Mesmo não sendo um viaduto, o Túnel de Taguatinga é uma obra importante para os moradores do DF. Com um investimento de R$ 275 milhões por parte do Governo do Distrito Federal (GDF), as construções chegaram a 70%. A obra ajudará na rotina de 135 mil motoristas.

A previsão de entrega do túnel é para junho de 2022 e também beneficiará moradores de Samambaia, da Ceilândia e do Sol Nascente/Pôr do Sol. As obras começaram na metade de 2020 e contam com um grande aparato técnico.

(*) Thiago Guimarães é estagiário do Programa Mentor e está sob supervisão da editora Maria Eugênia

Mais lidas
Últimas notícias