DF: mulher acusa namorado de agredi-la porque não quis transar com ele

De acordo com a jovem, o rapaz deu socos no rosto dela e em outras partes do corpo. O homem nega as acusações

Istock

atualizado 28/09/2018 13:08

Um homem de 33 anos teve que prestar esclarecimentos na delegacia nessa quinta-feira (27/9), por volta das 22h40. Ele é suspeito de agredir uma mulher, de 26. A vítima disse aos policiais militares que a discussão começou porque ela não quis ter relações sexuais com ele. O caso ocorreu em Ceilândia.

Quando os policiais militares chegaram ao endereço, a mulher relatou que estava namorando com o suspeito. Em um determinado momento, eles foram para o quarto. O homem teria tentado manter relações sexuais com ela, que disse não.

A partir de então, de acordo com a jovem, o rapaz passou a agredi-la com socos no rosto e em outras partes do corpo.

O homem negou as acusações e disse que o casal trocou apenas beijos. Segundo ele, quando a mulher disse que não teria relação sexual, abriu a porta para ela sair.

A ocorrência foi registrada na 24ª Delegacia de Polícia (Ceilândia), onde o crime é apurado. O suspeito foi liberado após prestar depoimento.

Últimas notícias