*
 

Uma mulher que procurava atendimento no Centro de Saúde nº 1 do Recanto das Emas se revoltou e ameaçou servidores com uma faca. Uma funcionária da unidade gravou o ataque de fúria da paciente, que usa um uniforme de gari. Na frente do consultório, a mulher grita com os servidores e bate na porta.

Pelas imagens, o vigilante responsável pela segurança do centro de saúde tenta conversar com a mulher e pede calma, mas não adianta. É nesta hora que a mulher tira uma faca grande que estava escondida na calça, na altura da cintura, e faz as ameaças. A todo instante, ela bate com a lâmina nas paredes da unidade.

A paciente, em seguida, sai do centro de saúde, e os gritos e as ameaças continuam. Não há informação sobre o motivo da discussão nem sobre o que ocorreu depois com a mulher. Segundo funcionários, só há um vigilante no local. Antes eram dois. O centro fica na quadra 305 do Recanto das Emas. O caso ocorreu na sexta-feira (10/11).

 

O Metrópoles entrou em contato com a Secretaria de Saúde para saber os motivos pelos quais a mulher teve um ataque de fúria dentro do centro de saúde, mas a Pasta não havia respondido até a publicação desta matéria

 

 

COMENTE

SaúdeRecanto das Emasataquefaca
comunicar erro à redação

Leia mais: saude-df