Sargento da Polícia Militar do DF morre após complicações por Covid-19

Segundo publicação do DODF, Stefyson Braga de Oliveira tinha problemas com obesidade e sofria de hipertensão arterial sistêmica

atualizado 15/09/2020 12:01

Stefyson Braga, sargento da PMDF vítima da Covid-19Redes sociais/Reprodução

O sargento da Polícia Militar do Distrito Federal Stefyson Braga de Oliveira faleceu na última sexta-feira (11/9) por insuficiência respiratória ocasionada pelo novo coronavírus.

Ele tinha problemas com obesidade e sofria de hipertensão arterial sistêmica. Uma portaria publicada no Diário Oficial desta terça-feira (15/9) exclui o nome do militar da corporação. As causas da morte também foram detalhadas no ato normativo.

DODF
DODF

Em 20 de agosto, outro policial militar morreu em decorrência da Covid-19. A vítima foi o primeiro-sargento José Ilto dos Santos.

A informação foi confirmada ao Metrópoles pela assessoria de imprensa da PMDF. O militar se encontrava na reserva remunerada. Ele estava internado no Hospital Santa Marta, em Taguatinga, e faria 54 anos no próximo dia 21 de setembro.

A Polícia Militar não deu mais detalhes sobre a morte do sargento. Em nota, a corporação afirmou que se “solidariza com a família do policial neste momento de dor e perda”.

Com a morte do sargento, a PMDF chegou a 11 vítimas fatais da Covid-19. Os números atualizados ainda não foram informados pela corporação.

0

Mais mortes

Também em agosto, outros dois militares também perderam suas batalhas para a Covid-19. Ambos eram sargentos da reserva remunerada e estavam internados no Hospital Santa Marta, em Taguatinga.

Jacob Gomes chegou a ser homenageado na página institucional da corporação. Já o terceiro-sargento José Wilton Nonato de Souza foi lembrado pelos colegas de farda como “um excelente militar”.

O sargento Jacob serviu pela última vez no 11º Batalhão de Polícia Militar (BPM), em Samambaia, enquanto José Wilton foi lotado, pela última vez, no 9º BPM, no Gama.

Últimas notícias