*
 

A crise hídrica que fez o brasiliense ficar sem água ao menos um dia da semana entre janeiro de 2017 e junho de 2018 ficou para trás.

Com o grande volume de chuvas das últimas semanas, a Barragem do Descoberto inicia dezembro com o maior volume dos últimos anos.

Neste domingo (2/12), o reservatório estava com 84,6% da capacidade, segundo medição da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa). Para se ter ideia da recuperação, em 2 de dezembro do ano passado, o percentual era de 9,6%.

Adasa/Reprodução

Quando o racionamento teve início, na pior crise hídrica registrada no DF, os índices da Barragem do Descoberto chegavam a 19,1% da capacidade e caíram nas semanas seguintes.