TCDF abre pregão para comprar passagens aéreas a conselheiros

Valor será de R$ 288 mil, que servirão para viagens nacionais e internacionais a serviço e cursos de capacitação de autoridades e servidores

Tony Winston/Agência BrasíliaTony Winston/Agência Brasília

atualizado 31/10/2019 21:27

O Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF) abriu pregão de R$ 288.327,00 para a contratação de uma empresa que forneça aos conselheiros e servidores passagens aéreas para destinos nacionais e internacionais. A licitação foi publicada na edição do Diário Oficial do DF (DODF) desta quinta-feira (31/10/2019).

De acordo com a assessoria, as viagens têm caráter de serviço para realização de cursos de aperfeiçoamento e de capacitação, tanto dos servidores da Corte de Contas quanto do Ministério Público de Contas do DF (MPCDF).

A empresa vencedora do pregão será responsável por instalar em computadores pré-determinados o sistema de compra, o agenciamento de viagens sob demandas considerando a cotação, reserva, emissão, remarcação e cancelamentos das passagens. Os deslocamentos poderão ser para destinos nacionais e internacionais.

Em março, a Câmara Legislativa, instância a qual o TCDF é vinculado, sugeriu o retorno do pagamento de passagens aéreas e hospedagem para os parlamentares. Entretanto, a ideia foi refutada, depois de o Metrópoles revelar a intenção da Mesa Diretora.

Devolvidos

O Tribunal de Contas informou ser um órgão independente e ressaltou ter devolvido R$ 48 milhões aos cofres do Governo do Distrito Federal (GDF) somente no ano passado.

Últimas notícias