PMDF fecha 2 bares na Asa Norte que funcionavam como ponto de prostituição

Na operação, um restaurante foi multado e duas pessoas levadas para a delegacia. Caso foi na Quadra 704 norte

Dois bares que funcionavam como ponto de prostituição foram fechados em um prédio da Quadra 704 da Asa Norte, na madrugada deste sábado (25/7), em uma operação da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) em conjunto com a Secretaria DF Legal. Em ambos os locais, os policiais apreenderam drogas e armas. Dois homens acabaram detidos.

De acordo com informações da corporação militar, o prédio contava com três estabelecimentos que não cumpriam com a lei. O andar térreo tinha um restaurante que poderia funcionar até as 20h, mas estava aberto. Já os bares não apresentavam qualquer alvará de autorização.

Com a presença do DF Legal, o restaurante foi notificado e terá que pagar multa de R$ 7 mil por violação de regras sanitárias em razão da Covid-19 e mais R$ 4 mil pela ausência de máscaras entre os funcionários.

Já os bares do andar de cima foram interditados, lacrados e ainda multados em mais de R$ 4 mil cada. Nesses locais havia quartos insalubres, boates independentes e até um circuito interno de câmeras para acompanhar a movimentação fora do prédio.

Na operação, dois homens foram presos. Um era dono de um dos bares e a PM o identificou como traficante. O outro abordado tinha uma pistola calibre 765 e seis munições. O fato foi registrado na 5ª Delegacia de Polícia (Área Central).

1/4
Boate ilegal funcionava no andar superior de um restaurante
Havia até sistema de monitoramento
Duas pessoas foram presas
Drogas foram apreendidas