No Sudoeste, homem permanece no alto de antena por mais de 14 horas

Ele subiu no equipamento da Companhia Energética de Brasília (CEB) e se recusa a descer. Bope e bombeiros acompanham

Myke Sena / Esp. MetrópolesMyke Sena / Esp. Metrópoles

atualizado 13/09/2019 9:29

Um homem mobiliza o Corpo de Bombeiros desde a noite dessa quinta-feira (12/09/2019). Ele escalou uma antena da Companhia Energética de Brasília (CEB), na Quadra 300 do Sudoeste, grita palavras incompreensíveis e chegou a soltar fogos de artifício.

Ainda não identificado, ele subiu no equipamento com travesseiro e sacolas. Diante da negativa em atender o pedido dos bombeiros para descer da torre, a ocorrência foi assumida pelo Batalhão de Operações Especiais (Bope), da Polícia Militar do DF.

Ele permanece na antena nesta sexta-feira (13/09/2019). Negociadores da PMDF estão no local tentando fazer com que ele desça.

Veja imagens da ocorrência:

 

Segundo informações preliminares, há suspeita de que o homem seja o mesmo que, em 2011, subiu no Pavilhão Nacional, na Praça dos Três Poderes e tentou atear fogo na bandeira do Brasil. Após ficar cerca de quatro horas no mastro, foi retirado do local pela polícia.

À época, o homem, ainda do alto do mastro, disse que protestava contra um senador e contra um suposto processo de “esmagamento” de negros no Brasil.

Aguarde mais informações

Últimas notícias