*
 

Os cerca de 400 manifestantes que se reuniram em frente ao Conic, no Setor de Diversões Sul, para protestar contra o pedido de prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), fecharam a via N1 do Eixo Monumental na noite desta sexta-feira (6/4).

O grupo entoava palavras de ordem contra o Judiciário e integrantes do Palácio do Planalto, além de frases de apoio a Lula. Em passeata, os ativistas seguiram para a frente da Rede Globo, na 702 Norte, e fecharam a W3 nos dois sentidos. Por volta das 21h, o ato foi encerrado com uma marcha de volta ao Conic.

Lideranças do Partido dos Trabalhadores no DF, como a deputada federal e presidente da sigla na capital, Erika Kokay, e o distrital Chico Vigilante participaram do ato.

Para Erika Kokay, Lula foi condenado sem provas e é alvo de perseguição política. “Os autores do golpe usam paletó, passaram a usar toga e agora querem usar, também, fardas”, critica.