Traficantes presos usavam distribuidora de bebidas para vender maconha

A venda de drogas era realizada de forma intensa e exposta em redes sociais. A Coordenação de Repressão às Drogas monitorava as ações

Uma operação conjunta entre a Polícia Civil (PCDF) e a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) desarticularam, nesta quinta-feira (30/6), em Samambaia, um esquema de tráfico de drogas que usava uma distribuidora de bebidas como fachada. A ação desencadeada pela Coordenação de Repressão às Drogas (Cord) e as Rondas Ostensivas Táticas (Rotam) resultou na prisão de dois homens.

 

De acordo com as investigações, os suspeitos eram associados a traficantes que atuavam na região do Guará. Ambos já haviam sido presos anteriormente pela PCDF. Os criminosos se utilizavam de uma distribuidora de bebidas, também localizada em Samambaia, na quadra 1031, conjunto 2.

A venda de drogas era realizada de forma intensa e exposta em redes sociais, monitoradas pela Cord. No momento da prisão, foram localizados quatro pinos de cocaína, uma porção maior de cocaína, duas balanças de precisão e aproximadamente 20 quilos de maconha, além de um quilo de skunk e R$ 2,1 mil em dinheiro.