Militar atira para cima, tenta se esconder em banheiro e acaba preso

Caso ocorreu na madrugada desta terça-feira (24/1), na Vila Planalto. O militar foi preso e encaminhado a 5ª Delegacia de Polícia do DF

atualizado 24/01/2023 21:01

Um militar da Marinha do Brasil, de 29 anos, foi preso na madrugada desta terça-feira (24/1) após efetuar disparos para o alto com uma arma de fogo e tentar se esconder dentro de um banheiro da residência onde mora, na Vila Planalto (DF).

A confusão, segundo relatos, começou por volta das 3h da manhã. Assustados com o barulho dos tiros, vizinhos do suspeito acionaram a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) e, em seguida, a guiaram ao endereço de onde os disparos teriam sido feitos.

Ao abordarem o suspeito e pedido que ele os acompanhassem até a delegacia, o homem, que estava com a arma presa a cintura, teria corrido e se trancado no banheiro.

De acordo com depoimentos, foi necessária uma longa negociação para que o militar se entregasse. Por fim, o suspeito forneceu a arma aos PMs e os acompanhou até a 5ª Delegacia de Polícia (Asa Norte), onde teria dito que os disparos foram feitos para espantar uma “provável gangue de traficantes” que o ameaçou.

O Metrópoles apurou que o integrante da Marinha já havia sido preso em flagrante anteriormente — em novembro de 2022 — por dirigir embriagado. Agora, ele deve responder por disparar arma de fogo em via pública, cuja pena varia de dois a quatro anos de reclusão.

Mais lidas
Últimas notícias