Metrô-DF retira morador de rua dos trilhos. Serviço está com lentidão

Uma das linhas precisou ser desligada para retirar o homem do local, o que provoca atraso no transporte de passageiros

atualizado 14/06/2021 11:28

Trem do Metrô-DFRafaela Felicciano/Metrópoles

Um morador de rua foi retirado dos trilhos do Metrô-DF na manhã desta segunda-feira (14/6), enquanto dormia no local. O invasor foi avistado pelo condutor de um dos trens, que pensou se tratar de um cadáver. Imediatamente o maquinista acionou o centro de operações, que desligou a via em questão, provocando atrasos no serviço de transporte de passageiros.

O homem foi encontrado por volta das 6h55. Ele estava na via que liga as estações Guará e Arniqueiras, em Águas Claras. Por volta das 7h35, os seguranças do Metrô retiraram o homem, com vida, dos trilhos. A via foi reenergizada em seguida.


Em nota, a Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) disse que há “atrasos nas linhas de aproximadamente 15 minutos, com reflexos em todo o sistema”. O serviço deve ser normalizado em breve.

Últimas notícias