Jovem achado carbonizado teve itens roubados de casa, diz vizinha

Moradores do Riacho Fundo 2 estão chocados com o assassinato de Jeferson Marques, 28 anos

Reprodução/FacebookReprodução/Facebook

atualizado 12/12/2019 18:55

Vizinhos de Jeferson Marques Ferreira (foto em destaque), 28 anos, não se conformam com a trágica morte do rapaz. Queimado dentro da própria casa, no Riacho Fundo 2, na madrugada desta quinta-feira (12/12/2019), ele foi trancado no quarto. Moradores relatam cheiro de gasolina. A 29ª DP (Riacho Fundo) investiga o caso como homicídio e incêndio.

A manicure Lurya Hanne Lobo, 27, conta que nada fora do comum aconteceu durante a quarta-feira (11/12/2019). “Ele saiu do trabalho, na Caixa, e foi beber em algum lugar no Plano Piloto. Mandou áudio nos avisando, brincando. Estava tudo normal”, relata.

De acordo com ela, Jeferson sempre deixava a chave da casa na residência da frente. Quando chegava, alguém ficava sabendo. “Chegou, pediu a chave para a minha mãe e entrou com outro homem que a gente não sabe quem é”, relata.

Depois, diz Lurya, ela só viu as chamas saindo do local. “Muita gente tentou entrar para ajudar, mas estava muito quente. Jogaram água e não adiantou. Só os bombeiros conseguiram controlar”, lembra.

O crime fez com que a vizinhança criasse teorias. Lurya acredita que foi um latrocínio. “Levaram televisão, celular e micro-ondas dele. Só viram um carro vermelho dando ré e saindo. Agora precisamos saber quem foi”, conta.

Já a cabeleireira Hayra Hanne Lobo, 34, irmã de Lurya, afirma que o crime não foi cometido por ninguém do Riacho Fundo. “Aqui todo mundo conhecia e gostava dele. Acabou a alegria da rua”, resume.

Ela conta que entrou na casa depois do crime e, pelo estado da cozinha, crê que houve uma briga. “Estava tudo quebrado e fora do lugar”, explica.

Morte de Gugu

No dia 24 de novembro, Jeferson publicou em rede social um relato sobre Gugu Liberato. No texto, ele pergunta o que a morte do apresentador ensina.

“Um cara que sempre levou alegria pras pessoas, que foi vítima de dezenas de fake news e que sempre ganhou seu dinheiro como fruto do seu trabalho e do seu talento”, escreveu.

A mensagem era de esperança. “Você pode estar atravessando um momento difícil, um desemprego, uma doença, um divórcio… Mas nada disso é o seu fim”, apontou Jeferson.

Veja postagem de Jeferson sobre a morte do apresentador Gugu Liberato:

Últimas notícias