metropoles.com

Ibaneis não pretende exigir receita em vacinação de crianças no DF

O Ministério da Saúde recomendou a apresentação do documento, mas o Conass e estados se posicionaram contra a exigência

atualizado

Compartilhar notícia

Rafaela Felicciano/Metrópoles
Ibaneis Rocha
1 de 1 Ibaneis Rocha - Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

O governador Ibaneis Rocha (MDB) não pretende exigir a apresentação de prescrição médica para a vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a Covid-19.

Vacinação de crianças contra Covid-19:

0

O emedebista revelou o posicionamento ao Metrópoles na manhã desta sexta-feira (24/12), véspera de Natal. “Se depender de mim, não”, pontuou o governador.

A imunização de crianças acima dos 5 anos ainda está em debate no Brasil. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou pela aplicação da vacina da Pfizer nos pequenos.

No entanto, o Ministério da Saúde ainda avalia a questão. A pasta organizou uma consulta pública sobre o tema. Além disso, recomendou a apresentação de prescrição médica para a imunização das crianças.

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) divulgou uma carta rejeitando a obrigatoriedade de receita médica para a vacinação dos pequenos.

No DF, o governador Ibaneis nutre “boa expectativa” sobre a vacinação das crianças.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comDistrito Federal

Você quer ficar por dentro das notícias do Distrito Federal e receber notificações em tempo real?

Notificações