Foco nos estudos! 2021 tem concursos com salários de até R$ 20 mil. Confira

Uma das seleções federais mais aguardadas foi liberada na véspera do Natal pelo governo, a da PRF. Tem também previsão do Bacen, PF, Antaq

Passadas as festas de Natal, é hora de voltar a concentração para os estudos. O ano de 2021 promete a liberação de editais aguardados na área federal, com salários que ultrapassam R$ 20 mil.

Uma das seleções mais esperadas para o próximo ano foi confirmada em 24 de dezembro. A seleção da Polícia Rodoviária Federal (PRF) terá provimento de 1,5 mil vagas.

Além da PRF, outros 14 concursos estão autorizados, mas na fila do Ministério da Economia para convocação de banca e abertura de edital.

Após um longo jejum de seleções devido à pandemia do novo coronavírus, o próximo ano traz perspectivas de seleções como a da Polícia Federal, com remuneração de R$ 22,6 mil para o cargo de delegado de Polícia Federal.

Além disso, existem pedidos para realização do certame da Receita Federal, do Banco Central, da Secretaria do Tesouro Nacional (STN), da Funai, da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), da Controladoria-Geral da União (CGU), entre outros.

Liberação

Em 24 de dezembro, véspera de Natal, o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Paulo Spencer, autorizou o certame da PRF.

A Portaria nº 25.412 autoriza a realização de concurso público para 1,5 mil vagas de policial rodoviário federal. O cargo exige nível superior completo e tem remuneração inicial bruta de R$ 10,3 mil, já com auxílio alimentação.

A última banca de um concurso da PRF foi o Cebraspe. Para esta seleção, a banca ainda não foi definida. Porém, o nome pode sair até 31 de dezembro.

Confira as outras previsões de concursos para 2021:

Polícia Federal

A previsão é de 1,5 mil oportunidades. A divisão deve ocorrer entre  cargos de agente da Polícia Federal, escrivão da Polícia Federal, delegado e papiloscopista. Em seleções anteriores, os salários variavam entre R$ 22,6 mil, para delegado, até cerca de R$ 11 mil para outros cargos.

Receita Federal

Já foram pedidas cerca de 2 mil vagas para os cargos de auditor fiscal e analista tributário. Falta autorização do Ministério da Economia. Salários variam de R$ 20 mil a R$ 12 mil.

Banco Central

O Banco Central pediu ao ministério, em maio de 2020, 260 vagas de níveis superior e médio. O Bacen ainda aguarda resposta para os cargos de procurador, analista e técnico. As remunerações vão de R$ 20,1 mil até R$ 6,8 mil.

Secretaria do Tesouro Nacional (STN)

Há previsão de 120 vagas para formados em níveis superior e médio. Salários variam de R$ 27 mil a R$ 6,8 mil.

Fundação Nacional do Índio (Funai)

O pedido feito em maio para o governo federal foi de 826 novos servidores. Os salários variam entre R$ 6 mil e R$ 5 mil, além dos benefícios.

Instituto Nacional de Câncer “José Alencar Gomes da Silva” (Inca)

O pedido de novas vagas foi encaminhado ao Ministério da Saúde. As remunerações para os cargos podem chegar a R$ 10 mil.

Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq)

A agência quer abrir 109 vagas. Os cargos previstos são: analista e técnico administrativo. As remunerações previstas são de R$ 3.712,72, para técnico, e acima de R$ 7,6 mil, para analistas.

Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais (Ibama)

O edital do Ibama é aguardado deste 2019. A expectativa é de selecionar mais de 2 mil profissionais. Os salários chegam a R$ 7,6 mil.

Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT)

O concurso pode oferecer cerca de 400 vagas. Os salários chegam a R$ 15 mil.

Controladoria-Geral da União (CGU)

A CGU quer contratar profissionais dos níveis médio e superior. Os salários variam entre R$ 27 mil e R$ 7 mil.

Tribunal de Contas da União (TCU)

Para o TCU, a expectativa é de 20 vagas. Os salários variam entre R$ 7 mil e R$ 12 mil, sem contar os benefícios.

Comissão de Valores Mobiliários (CVM)

A CVM precisa de inspetores, analistas e agentes executivos. Os salários variam entre R$ 19,1 mil, para os graduados, e R$ 7 mil, para quem tem ensino médio completo.

Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN)

A seleção é esperada para 2021, com salários que podem chegar a R$ 7 mil.

Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC)

O ministério solicitou à Economia 1.116 contratações. As remunerações chegam a R$ 9.157,15.