Família do DF procura a vira-lata Nina, desaparecida desde o Natal

Cachorrinha fugiu de um hotel para animais domésticos em 25 de dezembro e ainda não foi encontrada. Crianças já foram até à igreja fazer promessa

Uma família do DF está à procura da cachorrinha Nina, que desapareceu de um hotel para cachorros no Park Way no dia 25 de dezembro. Segundo o engenheiro agrônomo Pedro Cunha, proprietário da vira-lata, seus filhos de 10 e 12 anos estão sofrendo com a ausência de Nina. “Os meninos estão muito tristes. Já foram até à igreja fazer promessa  para que ela seja encontrada”, afirma.

A família acredita que, com medo dos raios causados por uma chuva que ocorreu no dia, a cachorra tenha fugido do hotel. Para sair, ela pulou uma baia de proteção, uma janela e uma cerca. Depois da fuga, funcionários do local chegaram a vê-la, mas não tiveram sucesso em recuperar Nina.

A família de Pedro já distribuiu panfletos e realizou buscas no Núcleo Bandeirante, na Vila Cauhy e na região do Parque Metropolitana. O hotel de onde Nina fugiu também está oferecendo uma recompensa para quem encontrá-la. A última dica recebida pela família foi de que a cachorrinha estava próxima ao Colégio Caic, na Vila Cahuy.

Nina é vira-lata, mas, segundo Pedro Cunha, parece com a raça fox paulistinha. Ela é preta e tem as patas dianteiras, o peito e a ponta do rabo brancos. O proprietário afirma também que Nina é arisca e, por isso, se alguém achá-la, deve se aproximar com cuidado. “Para chegar perto dela, é mais seguro oferecer um petisco ou tentar brincar e, depois, ligar para a família. É melhor não tentar correr atrás porque ela pode se assustar”, explica.

Quem tiver informações sobre o paradeiro de Nina pode entrar em contato pelo telefone (61) 8558-0966.

Confira mais fotos da cachorrinha:

1/2
Foto: Arquivo pessoal
Foto: Arquivo pessoal