Família busca por médica aposentada desaparecida no DF

Mulher deixou bolsa, documentos, telefone celular e veículo em casa. Ocorrência foi registrada na 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul)

Familiares e amigos de uma médica patologista aposentada que desapareceu nesta segunda-feira (30/03) organizaram uma força-tarefa com o objetivo de encontrá-la.

Jane Lenzi, 77 anos, saiu de sua residência, na quadra 403 Sul, vestindo apenas uma camisola branca. A aposentada deixou bolsa, documentos, telefone celular e veículo em casa. O caso foi registrado na 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul).

De acordo com um dos amigos próximos da família, Sérgio Fauto Gorini, todos estão preocupados e mobilizados para encontrar Jane. “Já acionamos a polícia e estamos entrando em contato com hospitais e outros locais para onde ela pode ter ido. O fato de ter deixado o carro e o celular para trás dificulta demais a localização. Mas temos fé que a encontraremos”, disse.

O único filho de Jane já deixou Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, onde mora, para vir ao DF ajudar nas buscas pela mãe. A família pede que, caso alguém reconheça a médica andando pelas ruas, entre em contato pelos telefones: (61) 99986-0983 (Gorini) ou (61) 9997-2346 (Paulo Lenzi).

Proporcionalmente, o DF tem a maior taxa de desaparecidos do Brasil, segundo estudo.