Jovens que mataram homem em parada ficam em centro de internação

Justiça determinou que os três adolescentes sejam mantidos em unidade socioeducativa de Luziânia (GO). Vítima agredida com socos e chutes

reproduçãoreprodução

atualizado 03/12/2019 20:08

Os três adolescentes que assassinaram Sebastião Januário Evaristo, de 66 anos, em uma parada de ônibus da Cidade Ocidental (GO), serão internados em um centro para menores em conflito com a lei de Luziânia (GO).

A decisão foi tomada pela Justiça, durante audiência ocorrida nesta terça-feira (03/12/2019), segundo informou o delegado que investiga o caso.

O crime ocorreu na madrugada de sexta-feira (29/11/2019), por volta de 2h30. Segundo o delegado Daniel Marcelino, da Polícia Civil de Goiás (PCGO), a internação deverá ser mantida até a decisão de medidas socioeducativas a serem cumpridas pelos acusados.

A ação dos adolescentes foi filmada por uma câmera de segurança do local. Durante cerca de 20 segundos, os jovens agridem Sebastião com socos e chutes.

O trio puxa o homem, que não reage, até a calçada e continua com a sequência de golpes. Depois, saem correndo.

Em seguida, os agressores voltam e um deles joga uma pedra na cabeça da vítima. Sebastião morreu no local. Os três adolescentes confessaram o assassinato.

Veja o vídeo do momento do crime:

“Voltará a matar”

Após ser apreendido, um dos acusados disse aos investigadores que voltará a matar quando for posto em liberdade. De acordo com Marcelino, os envolvidos – um de 14 e dois de 17 anos – afirmaram que o crime foi motivado por uma dívida de drogas. “Mas a gente não acredita nisso, porque a vítima não era usuária de entorpecentes, apenas de álcool”, informou.

“As personalidades deles demonstram que são pessoas sem compromisso com a vida e as leis. Um deles disse que se saísse iria matar de novo”, relatou o policial.

Ainda de acordo com o delegado, Sebastião não estava vivendo em situação de rua. “Ele só dormia alguns dias no local por conta do vício em álcool, mas tinha família e casa”, revelou.

Últimas notícias