Educação deposita dinheiro para a merenda de 82 mil estudantes no DF

DF repassou R$ 3.605.458,12 para 47 mil famílias responsáveis pelos alunos. Repasse tem objetivo de garantir comida em dias de aulas remotas

atualizado 01/10/2021 14:06

AlimentosRafaela Felicciano/Metrópoles

A Secretaria de Educação depositou a nova parcela do Bolsa Alimentação nesta sexta-feira (1º/10). O benefício foi repassado para 47.015 famílias responsáveis por 82.354 estudantes de escolas públicas do Distrito Federal.

O repasse foi de R$ 3.605.458,12. Desde o começo do programa, em março de 2021, foram investidos R$ 98.883.591,17. Segundo a pasta, o objetivo é garantir a alimentação escolar em dias de aulas remotas.

Os créditos estão disponíveis para consulta pelo aplicativo BRB CARD Pré-pago. O dinheiro pode ser gasto em mercados, atacados e padarias, entre outros estabelecimentos.

A Bolsa Alimentação foi adotada pela pasta para assegurar a merenda escolar dos estudantes, mesmo com a suspensão das aulas presenciais, em função da pandemia da Covid-19.

Com o retorno das atividades escolares presenciais, o pagamento passou a considerar os dias letivos do estudante em aulas remotas.

Para o cálculo, é somada a quantidade de dias letivos com aulas on-line e aplicado o valor de R$ 3,98, por refeição. No caso de alunos matriculados no ensino integral, eles recebem o valor correspondente a duas refeições por dia, ou seja, R$ 7,96.

O pagamento ocorre sempre no quinto dia útil de cada mês. O valor pago nesta semana é referente a agosto. Em outubro, o repasse será referente a setembro.

Mais lidas
Últimas notícias