DF volta à liderança do ranking de isolamento, mas adesão é baixa

Índice na quarta-feira (22/04) chegou a 55,21%, bem abaixo do alcançado entre domingo e terça-feira desta semana na capital

Depois de despencar no ranking de isolamento social no fim de semana e durante o feriado de 21 de abril, o Distrito Federal retornou à liderança da lista. Infelizmente, o índice, obtido na quarta-feira (22/04), foi baixo na capital do país: 55,21%. A quarentena é uma das medidas para evitar o contágio pelo novo coronavírus.

Confira o ranking de quarta-feira (22/04):

Ranking Dos Estados (10) by Leonardo Meireles on Scribd

O dado interessante é que o DF estava com números bem superiores no domingo (19/04), segunda-feira (20/04) e terça-feira (21/04), dia em que se comemorou os 60 anos de Brasília. Respectivamente, a capital alcançou 61,20%, 55,45% e 61,94%. Em nenhum desses dias, a cidade atingiu o primeiro lugar da lista. Na verdade, no domingo, chegou a cair para 16º.

O problema é a média nacional, que cresce nos fins de semana e feriados. Entretanto, na quarta-feira (22/04), esse número despencou. A adesão no país atingiu apenas 48%.

O ideal, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), é que o índice chegue a 70%. Seria um isolamento social que funcionaria muito mais no combate à transmissão da Covid-19.

O ranking é feito pela empresa de software In Loco, que utiliza as informações de 60 milhões de dispositivos móveis para realizar a medição. Os dados de geolocalização são medidos diariamente e, segundo os especialistas, a privacidade dos usuários é garantida.

Máscaras

Uma vez que as pessoas estão saindo cada vez mais para as ruas, o Governo do Distrito Federal (GDF) publicou decreto para que o uso da máscara seja obrigatório. O governador Ibaneis Rocha (MDB) assinou o documento nesta quinta-feira (23/04).

A população deve usar máscaras de proteção facial em todos os espaços públicos, vias públicas, nas paradas e veículos de transporte público coletivo e estabelecimentos comerciais, industriais e de serviços a partir do dia 30 de abril.

Quem não usar máscara no DF pode pagar multa a partir de R$ 2 mil. Antes, levará advertência, mas é possível até responder por crime de infração de medida sanitária, que tem pena de prisão de 1 mês a 1 ano.