DF: para acelerar vacinação, empresas já doaram R$ 142 mil em produtos

Movimento Unidos Pela Vacina pretende garantir a vacinação de todos os brasileiros até setembro deste ano

atualizado 18/06/2021 17:14

vacinação são pauloFábio Vieira/Metrópoles

Com o intuito de garantir que todos os brasileiros sejam vacinados contra Covid-19 até setembro deste ano, empresários, representantes de entidades setoriais, instituições, associações e diversos outros setores do país se uniram para ajudar os governos de cada unidade federativa. Só no DF, mais de R$ 142 mil em doações foram entregues.

Criado em fevereiro, o movimento Unidos Pela Vacina tem como líder na capital a empresária Janete Vaz, do Grupo Sabin. Outras 36 entidades e empresas apoiadoras com mais 80 participantes do grupo de trabalho atuam em Brasília.

Para identificar as principais necessidades e facilitar o processo de vacinação no DF, o movimento realiza um grande levantamento. A pesquisa é feita por meio de um aplicativo, criado pelo Instituto Locomotiva.

Entre os problemas que o movimento conseguiu resolver estão desde serviço de locomoção para enfermeiros aplicarem a vacina em domicílio até doações de seringas, aventais, aparelhos de ar condicionado para manter refrigerados locais onde estão as vacinas.

No total, 90 tendas, 40 tablets com capas e películas, 27 computadores, 130 caixas térmicas, 70.070 itens de Equipamento de Proteção Individual (EPIs), 22 aparelhos de ar condicionado, 21 quilos de tecido para produção de EPI e 2.562 gelox rígidos foram doados. Em processo de aquisição estão 100 celulares e mais 13 aparelhos de ar condicionado.

Interessado em ajudar podem entrar em contato por meio do e-mail [email protected].

Últimas notícias