Covid-19: taxa de ocupação de UTI dos hospitais públicos cai para 76%

A lista de espera por UTIs nos hospitais públicos tem 16 pessoas com suspeita ou confirmação de infecção pelo novo coronavírus

atualizado 16/05/2021 9:26

Rafaela Felicciano/ Metrópoles

A taxa de ocupação de unidades de terapia intensiva (UTIs) voltadas para pacientes adultos com Covid-19 na rede pública caiu para 76% no Distrito Federal neste domingo (16/5). O dado é do portal InfoSaúde, do GDF, atualizado às 6h55. Entre sexta e sábado, o índice se manteve em 79%.

A lista de espera por UTIs nos hospitais públicos tem 16 pessoas com suspeita ou confirmação de infecção pelo novo coronavírus aguardando leitos neste domingo. A fila por UTIs, em geral, tem 88 pacientes. As informações foram atualizadas às 8h15.

Nesta manhã, havia 333 leitos para pacientes com o novo coronavírus ocupados e 94 vagos na rede pública. Entre as unidades disponíveis, havia sete neonatais, um pediátrico e 86 destinadas a adultos.

Rede privada

Na rede privada de saúde, a ocupação dos leitos adultos para tratamento contra Covid-19 é de 90%. As unidades pediátricas estão 100% preenchidas.

Nos hospitais particulares, 242 leitos encontram-se ocupados do total de 321. Enquanto isso, 24 são classificados como vagos, e 55, como bloqueados.

Últimas notícias