Conplan faz questionamentos sobre projeto do novo Mané Garrincha

Conselheiros fizeram primeira avaliação positiva, mas sugeriram mudanças e perguntaram sobre trânsito e drenagem na região

Reprodução/Consórcio Arena BSBReprodução/Consórcio Arena BSB

atualizado 13/02/2020 12:40

O Consórcio Arena BSB apresentou o projeto preliminar do boulevard do Estádio Nacional Mané Garrincha, na manhã desta quinta-feira (13/02/2020), para o Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (Conplan). A obra necessita da aprovação do órgão para sair do papel. O Complexo Esportivo de Brasília — composto pelo boulevard, o estádio Mané Garrincha, os ginásios e as piscinas — terá 6 mil vagas de estacionamento.

A primeira avaliação dos conselheiros foi positiva. No entanto, fizeram sugestões ao consórcio para garantir comunicação, ligação e efeitos do boulevard em outros equipamentos urbanos, a exemplo do Centro de Convenções Ulysses Guimarães. Outra preocupação foi com a drenagem na região.

Nesse contexto, o consórcio garantiu a existência de áreas verdes para a captação das chuvas e instrumentos de drenagem no projeto. Outra preocupação dos conselheiros foi com o impacto de trânsito e as vagas de garagem. Questionaram, por exemplo, a previsão de transporte na madrugada, inclusive para os trabalhadores.

A Arena destacou que trabalha no Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV). De acordo com o consórcio, há 4,5 mil vagas de garagem divididas em cinco bolsões ao redor do boulevard. E mais 1,5 mil serão no subsolo. Os números podem mudar conforme a conclusão do EIV. A previsão de apresentação do projeto executivo é dentro dos próximos meses.

Empregos

Pelas estimativas do consórcio, as construções vão gerar 4 mil empregos diretos. O secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Mateus Oliveira, destacou a importância da apresentação preliminar, justamente pelo fato de abrir a oportunidade aos conselheiros fazerem ponderações e sugestões antes da análise final.

O gestor colocou a pasta à disposição do consórcio para debater e ajudar na formulação do projeto executivo.

O terreno tem 800 mil metros quadrados. A Arena BSB vai erguer construções em até 12% do terreno. A previsão é 90 mil metros quadrados de área construída. Desse total, 70 mil metros quadrados serão para lojas e empreendimentos comerciais. A área não ocupada inclui espaços verdes, calçadas, quadras e pistas.

Últimas notícias