Tons mais escuros são opção para décor elegante e exclusiva

Pedras sintéticas ou naturais se destacam em ambientes

atualizado 25/09/2020 16:00

O uso de tons mais escuros na decoração de ambientes está em evidência no segmento de decoração. O equilíbrio no uso de peças com tonalidade mais fechada vai ajudar a valorizar um espaço, sem prejudicar o seu visual ou suas dimensões, e acima de tudo vai identificar de forma clara o estilo do usuário.

Para além de regras de quem os tons mais claros tornam os ambientes maiores e os escuros prejudicam a amplitude, devemos pensar que é a composição a responsável pelo resultado. “É possível trabalhar diferentes revestimentos mantendo um espaço harmonioso”, explicam as arquitetas e urbanistas Jeniffer Souza e Sarah Amorim, fundadoras do Studio Matriz.

A dupla tem em seu portfólio uma proposta especial, que evidencia a beleza em tons escuros do Multistone da Marmoraria Multipedras, em brise e bancada. No projeto, os veios do revestimento harmonizam com a cor da pedra sintética, que tem em sua composição o Quartzo, o segundo mineral mais abundante da Terra e extremamente resistente. “Equilíbrio e sintonia de cores é a grande sacada”, ressaltam.

Autoras de inúmeros pela cidade, a dupla confidencia ainda que “em relação ao acabamento, preferimos sempre os revestimentos que possuem o aspecto natural/ acetinado para piso e parede”. A dica das profissionais é que, quem tem preferência por soluções polidas, deve aplicá-la “apenas nas paredes, pois no piso há́ risco de escorregões”.

Além das pedras sintéticas, o tradicional Granito São Gabriel e a exclusiva e disputada Pedra Sabão, estão entre muitas outras opções para decorar e impressionar.

Últimas notícias