Salão DFImoveis.com 100% online é aberto com perspectivas de R$ 300 milhões em vendas

CAIXA participa do Salão e poderá financiar imóveis, também 100% online pelo aplicativo ‘Habitação CAIXA’

atualizado 20/10/2020 15:30

A abertura do 1º Salão Imobiliário DFImoveis.com (20 a 30/10), que é realizado 100% online, aconteceu na manhã de 20 de outubro com perspectivas bem otimistas. Os organizadores projetam gerar, a partir das interações virtuais entre vendedores e compradores, até dezembro próximo, mais de 500 transações imobiliárias com um volume de venda de R$ 300 milhões aproximadamente. A CAIXA participa do Salão e poderá financiar imóveis, também 100% online pelo aplicativo ‘Habitação CAIXA’, com as novas taxas de crédito imobiliário anunciadas semana passada.

A CAIXA recentemente atingiu a marca histórica de R$ 500 bilhões na carteira de crédito imobiliário. “A Caixa acredita no mercado imobiliário e entende o quanto é importante investir na construção civil. A nova taxa de juros, com validada a partir do dia 22/10, será a menor taxa de crédito imobiliário do país variando entre 6,25 e 8%, indexada à TR”, disse Ramon Cachoeira, Superintendente Executivo de Habitações Caixa.

Ramon participou da solenidade virtual de abertura do Salão DFimoveis.com em companhia de Pâmella Predebon, Superintendente Executiva de Habitação da CAIXA; de Ovídio Maia, CEO do Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI-DF); Geraldo Nascimento, CEO do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Distrito Federal (CRECI-DF); Allan Guerra CEO da seção DF da Associação dos Notários e Registradores do Brasil (ANOREG-DF); Augusto Abdala, CEO do portal DFimóveis; Marcelo Ramos, CMO do portal DFimoveis. Todas essas entidades participam e são apoiadoras institucionais do Salão, que tem ainda o apoio da Associação de Empresas do Mercado Imobiliário do Distrito Federal e (ADEMI-DF).

Salão tem ofertas 24h por dia

O Salão DFimoveis.com será realizado até 30 de outubro e pode ser acessado no site especial salaodfimoveis.com. Como é 100% online, dá para visitar virtualmente milhares de ofertas pelo celular, tablet ou notebook conectados à internet, 24h por dia.

Comprador poderá comprar, financiar e registrar no cartório tudo online

Ao realizar a primeira fala do encontro, Marcelo Ramos, CMO do portal DFImoveis.com, falou do novo formato da jornada de compra e estrutura do Salão, que reunirá mais de 300 expositores, entre imobiliárias, construtoras e corretoras de imóveis.

“No site os usuários poderão escolher seus imóveis, visitá-los virtualmente – e até agendar visita presencial -, seguindo todos os protocolos de segurança, assinar o instrumento particular de compra e venda via assinatura digital, simular e realizar um financiamento imobiliário junto à CAIXA e assinar virtualmente a escritura pública de compra e venda nos cartórios”, afirmou.

Mesmo com a pandemia do novo coronavírus, o setor conseguiu se adaptar de forma muito rápida e se manter ativo durante os meses de isolamento social de forma completamente online com o apoio da tecnologia. O novo momento trazido pela pandemia, auxiliou na emissão do certificado digital antes realizada apenas presencialmente nos cartórios.

Allan Guerra, presidente da ANOREG/DF, lembrou da criação do E-notoriado. “O espaço virtual do E-notoriado foi criado durante a pandemia com a intenção de realizar a lavratura de escritura eletrônica. A plataforma, além de permitir a assinatura com certificação digital por um tabelião, possibilita a realização de uma videoconferência com a confirmação do negócio jurídico”, explicou. Os registros de compra e venda do DF revelaram um crescimento sólido durante os meses de pandemia. A partir de junho de 2020, os registros superaram todos os meses de 2019.

Demanda por quase 31 milhões de imóveis até 2030

O aquecimento do mercado irá se manter mesmo após o fim da pandemia. A estimativa é de Geraldo Nascimento, presidente do CRECI/DF. “A previsão é de que o bom momento para o setor perdure por, pelo menos, mais dois anos”, afirmou.

Dados apresentados pelo presidente do SECOVI/DF, Ovídio Maia, corroboram a estimativa de aquecimento. “A demanda de imóveis até 2030 será de aproximadamente 30,7 milhões de novos domicílios, de acordo com dados levantados pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD). O Distrito Federal apresenta uma das maiores taxas de crescimento do país, de acordo com o IBGE, e a região possui um enorme potencial de mercado. Investir em imóveis no DF é um grande negócio”, finalizou.

Os representantes das Habitações Caixa encerraram o evento de abertura trazendo importantes informações sobre as taxas de financiamento. A instituição reforçou que está sempre empenhada em trazer novidades e opções de negócio para seus clientes. Eles lembraram que a CAIXA também anunciou a extensão da carência para novos contratos crédito imobiliário de pessoa física, pagamento parcial da parcela com o cliente podendo optar por 75% da parcela por 6 meses ou 50% por 3 meses.

SERVIÇO
Salão DFimoveis.com
De 20 a 30 de outubro de 2020
100% online pelo site especial salaodfimoveis.com
Milhares de imóveis em oferta

Website: http://www.salaodfimoveis.com

Últimas notícias