G44 Brasil gerencia uma das maiores plantas de mineração do país

O Brasil integra a lista dos maiores produtores de ouro do mundo. A mineração está entre os setores base da economia brasileira

atualizado 16/12/2019 10:52

Arquivo G44 Brasil / Divulgação

Segundo a Agência Nacional de Mineração, nos últimos cinco anos foram minerados 406 toneladas do metal precioso no país, o que representa uma produção média de 81,2 toneladas por ano. Isso equivale a aproximadamente duas gramas de ouro por habitante do país. Para se ter uma ideia da relevância da atividade na economia, a extração de ouro no Brasil movimenta, anualmente, aproximadamente R$ 14,2 bilhões.

A holding empresarial G44 Brasil, que conta com escritório localizado em Taguatinga, administra uma das maiores plantas industriais de mineração do Brasil. O trabalho com o minério está distribuído em duas diferentes regiões do país, no Norte e no Centro-Oeste, com ouro e esmeraldas, respectivamente.

Em Calçoene (AP), a G44 tem participação societária em uma mina de ouro localizada no distrito de Lourenço. Com concessão permanente e irrevogável para exploração da área pelo Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), o local tem capacidade de processamento de 640 toneladas por dia do material da planta. Lá, o trabalho é realizado em parceria com a empresa HJomaa, responsável pela extração do metal nobre. A atividade colabora com os altos índices de produção mineral brasileira e coloca o Brasil na lista dos maiores produtores de ouro do mundo.

0

Além do metal precioso, a empresa trabalha com extração de esmeraldas na cidade goiana de Campos Verdes. O empreendimento está em fase final da construção de uma das maiores plantas de exploração e beneficiamento das pedras preciosas do país. Na cidade considerada a capital das esmeraldas brasileira foi realizado um alto investimento em tecnologia para captação mineral do solo, além da edificação do prédio do centro de lapidação, fábrica de joias e planta industrial. Também foram feitos investimentos na área das minas de esmeraldas, uma vez que as pedras preciosas estão a 200 metros de profundidade.

0

 

O trabalho de mineração reaqueceu a pequena cidade goiana, com oferta de formação profissionalizante. Ao todo, mais de 400 empregos foram gerados e, até o fim do ano, aproximadamente 1000 postos de trabalho serão abertos, com a finalização das obras do centro de lapidação e fábrica de joias. São dois anos à frente da gestão de negócios com foco na excelência, inovação, segurança, compromisso e qualidade em todos os processos da G44 Brasil.

G44 Brasil

Além da mineração, a empresa cuida de outros negócios, como a exchange de criptomoedas INOEX. A plataforma é um serviço digital de compra e venda de Bitcoins.

A empresa tem aproximadamente 10 mil usuários cadastrados (espalhados por todo o mundo) que utilizam diariamente a plataforma para negociações. Além de conectar os clientes com o mundo das criptomoedas, a plataforma de negociação digital oferece o programa metatrader 5. A tecnologia permite análise técnica, chart trading, robôs, entre outros serviços.

Outra atividade da holding é o mercado de joalheria. As pedras mineradas e lapidadas pela G44 Mineração são vendidas para outra empresa do grupo: a Vert Vivant. A empresa é uma joalheria que produz e comercializa joias de alto padrão ao consumidor final. Hoje o trabalho é feito por venda direta, mas, em breve, a primeira loja será inaugurada em um dos maiores shoppings de Brasília e em São Paulo.

Arquivo G44 Brasil / Divulgação

Além disso, no setor de construção civil, o grupo possui a empresa Correia Engenharia, responsável por transformar os rejeitos do minério de esmeraldas em peças pré-moldadas que são vendidas aos mais diversos estados do país.

Últimas notícias