Em busca de emprego? Veja o que seu currículo diz sobre você

Muitas pessoas não sabem elaborar um currículo, já que não existem regras estabelecidas nem padronizadas, o que dificulta o processo

Mesmo com o avanço dos processos seletivos e muitas etapas sendo realizadas na internet, o currículo continua sendo o documento mais utilizado pelas empresas, especialmente na iniciativa privada, na hora de contratar.

É comum que os profissionais lembrem-se do currículo apenas quando estão fora do mercado de trabalho ou insatisfeitos com o emprego atual. Este é o grande problema, segundo Claudia Deris, gestora de carreira, pois é preciso tempo para fazer um bom documento.

“Um currículo mal elaborado, além de literalmente esconder competências técnicas e comportamentais importantes, também demonstra um perfil que nem sempre condiz com o profissional representado”, afirma Claudia.

Boa parte das pessoas não sabe elaborar um currículo, já que não existem regras estabelecidas e padronizadas, o que dificulta o processo. Pensando nisso, Claudia apresenta três dicas.

1) Em busca do design adequado

É interessante que tenha no máximo duas páginas e as informações estejam organizadas da seguinte forma:

2) Conteúdo é muito importante

O currículo é mais do que apenas uma junção de suas informações, é o seu dossiê profissional que mostra sua melhor forma.

A gestora de carreiras Claudia Deris informa que floreios não são necessários, ou seja, vá direto ao ponto com as informações, dizendo o essencial e evidenciando o seu diferencial.

Também é importante evitar os modelos prontos da internet, caso seja necessário, apenas se baseie neles para descrever suas experiências.

3) Não tenha medo de ousar

É possível que vídeos ou outros tipos de mídia façam parte do seu currículo. Se você tem acesso a esses recursos, invista no “extra” e se destaque. “A forma como você cuida do seu currículo é a forma como você cuida da sua carreira. Esta é a primeira e a principal informação que o seu currículo fala sobre você”, finaliza Claudia.