Celebridades, subcelebridades e tudo sobre televisão de maneira ácida e divertida.

“Querem que mulher se cale”, fala Bruna Linzmeyer sobre polêmicas

Além disso, a atriz revelou que já foi aconselhada a não se posicionar politicamente

atualizado 14/11/2019 16:48

Reprodução/Instagram

Bruna Linzmeyer não tem medo de se posicionar nas redes sociais. A atriz constantemente mostra que não se depila e não tem medo de assumir publicamente as namoradas. Em entrevista para a Quem, ela comentou sobre suas atitudes corajosas.

“Claro que já me falaram que o meu posicionamento poderia prejudicar a minha carreira. Falam isso porque querem que a mulher se cale”, afirmou. Além do feminismo, Bruna também falou sobre homofobia.

0

“Toda vez que eu fui retaliada foi porque estava ao lado de outra mulher. Não só enquanto uma mulher sapatão, mas porque estava ao lado de uma mulher”, disse. A atriz contou estar em uma posição mais confortável do que a maioria das pessoas LGBT no país.

“Para uma mulher lésbica no Brasil não é tão simples assim. Muitas mulheres pensam: ‘Será que estou segura dando a mão para a minha namorada agora?’ Ela pode ser morta! Então, eu tenho um privilégio muito grande de poder não pensar nisso”, revelou.

Últimas notícias