Celebridades, subcelebridades e tudo sobre televisão de maneira ácida e divertida.

Mãe chora ao ouvir “eu te amo” do filho declarado morto há 6 meses

Jovem foi atropelado por van e médicos declararam morte cerebral, mas um milagre ocorreu

atualizado 26/09/2021 6:00

Lewis RobertsReprodução

Lewis Roberts, de 19 anos, havia sido desenganado pelos médicos do Hospital da Universidade Royal Stoke, quando um milagre ocorreu. A morte cerebral do jovem chegou a ser declarada há seis meses, mas ele deu a volta por cima e sobreviviu. A mãe comemorou com muita emoção o milagre de até ouvir recentemente as primeiras palavras do filho depois de um grave acidente: “Mãe, eu te amo”.

Em 13 de março, Lewis Roberts sofreu ferimentos catastróficos na cabeça após ser atropelado por uma van em Leek, cidade mercantil e freguesia do condado de Staffordshire, na Inglaterra. Ele foi levado de ambulância aérea para a unidade médica, onde, quatro dias depois, a família recebeu a terrível notícia de que ele havia sofrido “morte cerebral”. Os médicos apenas recomendaram que a família se despedisse.

0

Salvo por suporte de vida

O registro de Roberts como doador de órgãos é o que acabou salvando sua vida. Os pais haviam concordado que os órgãos fossem doados para ajudar outras sete pessoas e, enquanto resolviam as questões burocráticas, o jovem teve um tempo extra de suporte de vida, que foi crucial.

Horas antes da cirurgia para a remoção dos órgãos, o ex-aluno da Leek High School Lewis piscou e começou a respirar sozinho novamente. Desde então, ele seguiu em estado gravíssimo na unidade de saúde e completou 19 anos em 11 de julho.

No fim de semana passado, Lewis Roberts fez uma grande surpresa aos entes queridos, quando disse suas primeiras palavras depois do acidente, direcionadas à mãe. O fato ocorreu em 18 de setembro, segundo a irmã do jovem, Jade Roberts.

“Depois de seis meses e três semanas sem dizer nada, Lewis disse não apenas uma palavra, mas uma frase inteira. Ele disse ‘Mãe, eu te amo … você é a melhor’. Como você pode imaginar, mamãe está chorando e chorando. É inacreditável. Ele é um menino incrível”, afirmou ela ao StokeonTrentLive.

Jade revelou que a família teve permissão para visitar Lewis quase todos os dias no hospital, apesar da pandemia de coronavírus. Os encontros só foram suspensos depois de um caso de Covid-19 em um dos pacientes internados no local.

Desde o acidente, a família criou uma vaquinha on-line para ajudar com os custos da internação. A última atualização diz: “Lewis está progredindo a cada dia. Ele agora está ouvindo comandos, apertando sua mão e soltando-a quando solicitado. Estamos muito orgulhosos de Lewis! Muito obrigado a todos por seu amor e Apoio, suporte.”

Últimas notícias