Celebridades, subcelebridades e tudo sobre televisão de maneira ácida e divertida.

Frio recorde faz rio Tâmisa congelar pela primeira vez em seis décadas

Temperaturas na Inglaterra caíam para mínimas recordes na madrugada desta sexta (12/2). Na Escócia, frio extremo provocou até incêndios

atualizado 12/02/2021 12:56

praia de ChalkwellJohn Keeble / Getty Images

O rio Tâmisa congelou pela primeira vez em quase seis décadas, no momento em que as temperaturas na Inglaterra caíam para mínimas recordes durante a noite de quinta-feira (11/2) para sexta-feira (12/2).

Segundo a mídia local, várias gaivotas, comuns na região, foram vistas empoleiradas nas águas congeladas do local, em Teddington. Fenômeno semelhante só foi registrado no chamado Grande Congelamento de 1963, um dos invernos mais rigorosos registrados no Reino Unido.

Em Ravensworth, North Yorkshire, os termômetros marcavam -15,3°C durante a noite de ontem, tendo atingido um recorde de temperatura mínima para a Inglaterra em fevereiro ao registrar -13,1°C na noite de quarta-feira (10/2).

A onda de frio aparentemente vai continuar na Europa. Hoje, a Grã-Bretanha se prepara para receber até dez centímetros de neve e vendavais ao longo do fim de semana.

Queimadas com o frio extremo

O frio extremo também causou outro fenômeno estranho: incêndios violentos em Devon, Escócia e Cornwall. Segundo um comandante do Serviço Escocês de Fogo e Resgate, Bruce Farquharson, as condições geladas secaram a vegetação e os ventos violentos fizeram o fogo se espalhar.

Últimas notícias