Bastidores da televisão, notícias da sua novela preferida e entrevistas com os principais atores

É de Casa: Drauzio Varella reestreia quadro sobre a primeira infância

A Globo já exibiu, entre janeiro e fevereiro, cinco episódios da série, interrompida em razão da cobertura jornalística da pandemia

atualizado 09/07/2021 12:34

Drauzio VarellaReprodução/TV Globo

Neste sábado (10/7), a TV Globo volta a exibir a série Quanto Mais Cedo Maior, apresentada pelo Drauzio Varella. A série aborda temas como primeira infância, saúde e educação e volta a ser uma atração dentro do É de Casa. após uma pausa devido a pandemia.

A produção foi até Recife e mostra a história de Sybelle Morlina e seu filho, Antonio, de três anos. Desde a gestação, ela tem o hábito de ler para o filho e hoje percebe os benefícios dessa ação no crescimento dele.

Em outro episódio, o programa apresenta aos brasileiros a história de Henrique Lima e sua filha, Maria Fernanda, de 4 anos, de Carapicuíba (SP). O costume de brincar fortaleceu a relação dos dois, principalmente depois que a mãe da menina saiu de casa, quando ela tinha apenas seis meses.

Produzida e gravada antes da pandemia, a atração exibe assuntos relevantes relacionados à Primeira Infância. “As brincadeiras são estímulos para o desenvolvimento infantil. Por meio delas, os cuidadores se aproximam das crianças, fortalecem a saúde emocional e os vínculos”, explica Drauzio Varella.

A Globo já exibiu, entre os meses de janeiro e fevereiro, cinco episódios da série, interrompida em razão da cobertura jornalística da pandemia, que se agravou no país provocou uma quarentena mais restrita em diversos estados. Agora, o É de Casa retoma com a exibição de quatro episódios, com as histórias de famílias brasileiras que mostram a importância dos cuidados e da atenção a essa fase da vida em contextos diversos de cidades brasileiras.

O projeto é uma parceria da Fundação Bernard Van Leer, Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal, Itaú Social e Porticus América Latina. Já a produção fica por conta da Pródigo Films.

Mais lidas
Últimas notícias