Marcas, ideias e pessoas que impactam no mundo da comunicação

Federação Mundial de Anunciantes lança censo global da indústria

Organização firmou parceria com associações nacionais, entre elas Campaign, Kantar e associações de agências EACA e VoxComm

atualizado 09/06/2021 14:39

WFAUnsplash

A Federação Mundial de Anunciantes (WFA, sigla em inglês) lançou o primeiro censo global da indústria de marketing e publicidade, projetado para fornecer dados concretos do mercado sobre diversidade, equidade e inclusão. A ideia é investigar a composição da força de trabalho em toda a indústria, bem como a percepção, incluindo senso de pertencimento e percepção de progresso.

A iniciativa se baseia no trabalho já realizado no Reino Unido como parte da All In Initiative, bem como nos muitos esforços liderados nos Estados Unidos.

Os mercados participantes neste censo são Bélgica, Brasil, Canadá, Colômbia, França, Grécia, o Conselho de Cooperação do Golfo (Bahrain, Kuwait, Omã, Qatar, Arábia Saudita e os Emirados Árabes Unidos, Hong Kong (SAR), China, Índia, Irlanda, Japão, Malásia, Holanda, Nova Zelândia, Paquistão, Portugal, Cingapura, África do Sul, Espanha, Suécia, Turquia e EUA.

O estudo está sendo realizado em parceria com organizações experts em dados, como Campaign, Kantar, EACA. Participaram ainda a nova associação de agências globais VoxComm. Enquanto as associações nacionais e suas agências complementares estarão conduzindo as amostras a nível local com o apoio da revista da campanha de Haymarket em mercados relevantes, membros corporativos da WFA e agências envolvidas na Força-Tarefa de Diversidade e Inclusão da entidade global conduzirão toda a iniciativa por meio de seus próprios funcionários, clientes, parceiros e cadeias de suprimentos de marketing. As organizações de apoio incluem Brand Advance, Diageo, Ferrero, Grupo Bimbo, GSK, Havas, Mars, Mondelez, m / SIX e Reckitt.

O questionário ficará disponível entre 21 de junho e 2 de julho. Os resultados serão compilados e analisados pela Kantar. O resultado final deve ser divulgado em outubro de 2021. Os resultados também serão usados como base para um plano de ação elaborado e liderado pelo Grupo de Trabalho de Diversidade e Inclusão da WFA. A WFA pretende se unir à Kantar e à Campaign novamente em 18 meses para medir o progresso.

“Este é um momento histórico para nossa indústria. Apesar de toda a conversa de ‘estamos nisso juntos’, a pandemia mostrou que isso simplesmente não é verdade. As desigualdades foram por dificuldades recentes. A evidência anedótica sugere que a indústria está retrocedendo em diversidade e inclusão. É fundamental que tenhamos uma linha de base do setor pela primeira vez, para que possamos traçar um limite na areia e avançar juntos na melhoria do estado de diversidade, equidade e inclusão”, conclui Stephan Loerke, CEO da WFA.

Últimas notícias