Desembargador do DF substitui ministro Felix Fischer durante licença do STJ

Convocação de Jesuíno Rissato foi aprovada nesta quarta-feira (4/8), pela Corte Especial do STJ, e vale até o dia 29 de outubro

O desembargador Jesuíno Aparecido Rissato, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), substituirá o ministro Felix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), até o final de outubro. A convocação foi aprovada nesta quarta-feira (4/8) pela Corte Especial do tribunal superior.

Fischer precisou se afastar por orientação médica até o dia 29 de outubro, prazo determinado para que o magistrado do DF atue na 5ª Turma e também na 3ª Seção do Superior Tribunal de Justiça.

Rissato ingressou na magistratura local em 1991, mas foi promovido, por merecimento, ao cargo de desembargador do TJDFT no ano de 2011. Atualmente, integra a 3ª Turma Criminal do Tribunal. O desembargador tem 67 anos.

Antes da magistratura, ocupou o cargo de promotor de Justiça do Ministério Público do estado de Rondônia. A atuação ocorreu entre 6 de janeiro de 1986 e 10 outubro de 1991, quando assumiu a nova função na magistratura.