Os bastidores das notícias, e os principais personagens, que movimentam a política do Distrito Federal

Deputado convoca audiência para estação do Metrô ter nome de igreja

Martins Machado é da bancada evangélica da Câmara Legislativa do DF e quer homenagear novo templo que será inaugurado em Águas Claras

atualizado 15/06/2022 16:52

Divulgação / Igreja Universal

Integrante da bancada evangélica da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), o deputado distrital Martins Machado (Republicanos) apresentou um projeto de lei para alterar o nome de uma estação do metrô na cidade de Águas Claras para homenagear a Igreja Universal.

Deputado quer chamar metrô em Águas Claras de “Solo Sagrado”

Uma audiência pública ocupou a agenda do plenário da Casa nesta quarta-feira (15/6), exclusivamente para discutir sobre o tema.

De acordo com a proposta, a estação Estrada Parque, que fica entre as estações Concessionárias e Praça do Relógio, passaria a se chamar Estação Solo Sagrado.

A mudança faz alusão ao templo faraônico da Universal, que deve passar a funcionar na região. A obra tem previsão de 43 mil m² de área construída e capacidade para mais de 5 mil pessoas na área principal, com expectativa de receber 40 mil visitas por semana.

Publicidade do parceiro Metrópoles
0

Despesas

O presidente da Associação de Moradores de Águas Claras, Roman Dário Quatrin, reconheceu a importância da obra, mas alertou sobre os transtornos “intangíveis” que pode causar para a cidade.

Quatrin lembrou, ainda, que toda a parte de sinalização visual e sonora do complexo metroviário deverá ser atualizada com a mudança proposta, o que pode onerar os cofres públicos.

Para ele, a Igreja Universal é a “grande interessada e maior beneficiada” e que, se ela “ajudar” nos custos com a mudança do nome, “terá total apoio da associação”.

“O nosso objetivo é que seja custo zero para o governo e, sendo necessário, vamos buscar, sim, uma parceria privada para custear essa mudança do nome, caso o projeto seja aprovado”, garantiu o autor da ideia, que participou do debate de forma virtual.

 

 

 

Mais lidas
Últimas notícias