Os bastidores das notícias, e os principais personagens, que movimentam a política do Distrito Federal

Com Sindhobar, CLDF lança frente em defesa de bares e restaurantes

De acordo com Sindhobar-DF, atualmente 83 projetos tramitam na Câmara Legislativa e devem impactar diretamente o setor da economia

atualizado 01/06/2021 17:42

Divulgação

Uma frente parlamentar foi lançada na noite de segunda-feira (31/5) com o objetivo de reunir deputados distritais da Câmara Legislativa (CLDF) para atuarem em defesa dos bares e restaurantes do Distrito Federal. O evento ocorreu no Stadt Bar & Music, localizado no Setor de Indústrias Gráficas (SIG).

De acordo com o presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Brasília (Sindhobar-DF), Jael Antônio da Silva (foto em destaque), uma das maiores demandas do setor é a quantidade de leis aprovadas pelos distritais e que impactam diretamente o orçamento dos estabelecimentos.

“Fizemos um levantamento que indica pelo menos 82 projetos de lei tramitando na Câmara Legislativa e que nos atingem diretamente. Para se ter ideia, há propostas de todos os tipos, como criação de indicativos de alimentos com glúten, custeio do recolhimento do lixo orgânico, descarte de garrafas. Tem até uma lei aprovada que precisamos informar a utilização de micro-ondas para quem usa o marca-passo”, disse.

“É bom lembrar que muitas propostas são importantes, mas grande parte direciona ao empresariado uma responsabilidade que não é exclusivamente dele. É por isso que precisamos ser ouvidos”, continuou.

Até agora, pelo menos 10 parlamentares integram a Frente Parlamentar em Defesa do Setor de Alimentação Fora do Lar, mas o movimento pode ganhar novas adesões nos próximos dias.

“O setor de bares e restaurantes foi um dos mais afetados pela pandemia. Isto resultou em dívidas, demissões de colaboradores e falências para milhares de pessoas. Um transtorno para um segmento que gera importantes postos de trabalho. Por isso, precisamos desenvolver, urgentemente, políticas públicas que possam mitigar os efeitos da pandemia e garantir o crescimento da nossa economia”, afirmou a deputada Júlia Lucy (Novo), presidente da frente.

Além de Júlia, integram a frente parlamentar os deputados Iolando Almeida (PSC), Reginaldo Veras (PDT), Leandro Grass (Rede), Valdelino Barcelos (PP), Rodrigo Delmasso (Republicanos), Roosevelt Vilela (PSB), Reginaldo Sardinha (Avante), Cláudio Abrantes (PDT) e o presidente da Câmara Legislativa, Rafael Prudente (MDB).

 

Últimas notícias