Os bastidores das notícias, e os principais personagens, que movimentam a política do Distrito Federal

Após vencer um câncer e 5 AVCs, Alírio quer voltar à política no DF

Ex-presidente da Câmara Legislativa pretende disputar uma das 8 cadeiras da bancada do Distrito Federal na Câmara dos Deputados

atualizado 04/07/2022 20:11

Ricardo Botelho/Metrópoles

Ex-presidente da Câmara Legislativa, o delegado aposentado Alírio Neto (MDB) está disposto a retomar a vida pública após vencer um complexo câncer de pulmão e que se agravou para uma metástase nos ossos.

Antes de ter o diagnóstico confirmado, o político teve cinco acidentes vasculares cerebrais (AVCs) e chegou a perder a metade da visão direita.

Presidente, governador e senador: veja quem são os pré-candidatos nas Eleições 2022

“Fui salvo dessa doença graças à paixão que tenho por atividades físicas e por cuidar da minha saúde. Eu venci o câncer, mas continuo a fazer imunoterapia, tratamento que terei de fazer para sempre, mas estou muito bem”, disse ao Metrópoles.

Pai de um filho autista, Alírio levanta a bandeira para a criação de mais políticas públicas para as pessoas com o transtorno. Com a pauta, o emedebista deve ser candidato a uma das 8 vagas para a Câmara dos Deputados.

“É uma nominata forte, com muitos nomes importantes na cidade. Mas quero colocar meu nome e minha história, mais uma vez, à disposição da nossa cidade”, disse.

Nas últimas eleições, em 2018, Alírio Neto foi candidato a vice-governador na chapa encabeçada por Eliana Pedrosa. Na anterior, em 2014, o então candidato a deputado federal recebeu quase 70 mil votos, mas não foi eleito por causa da coligação partidária.

Mais lidas
Últimas notícias