Grupo de pastores vai a Bolsonaro para interceder por André Mendonça

Líderes evangélicos também se reunirão com o presidente do Senado para tentar destravar a votação da indicação de Mendonça ao STF

Um grupo de pastores e lideranças evangélicas no Congresso Nacional deve se reunir com o presidente Jair Bolsonaro nesta quarta-feira (15/9). Eles vão pedir empenho do governo para aprovar no Senado a indicação de André Mendonça ao Supremo Tribunal Federal (STF).

O encontro está marcado para as 16 horas, no Palácio do Planalto, e ainda não constava na agenda oficial de Bolsonaro até o início da tarde. Antes da conversa no Planalto, o grupo de evangélicos terá reunião com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), às 14h15, na residência oficial.

Mais cedo, a coluna noticiou que Mendonça recorreu ao ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, e a ministros do STF para tentar destravar sua indicação no Senado. Dias Toffoli, ministro da Corte, entrou em ação e procurou o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Veja a comitiva que se reunirá com Pacheco e Bolsonaro:

  • Bispo Abner Ferreira, Assembleia de Deus Madureira
  • Pastor Samuel Câmara, Assembleia de Deus
  • Bispo Rodovalho
  • Bispo JB
  • Apóstolo Estavam Fernandes
  • Silas Malafaia
  • Apóstolo Terra Nova
  • Apóstolo Cesar Augusto
  • Senador e pastor Vanderlan Cardoso (PP-GO)
  • Senador Carlos Viana (PSD-MG)
  • Deputado Cezinha de Madureira (PSD-SP)