Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Paulo Cappelli

Secretário de Cultura de São Paulo não será mais candidato à Câmara

Sérgio Sá Leitão definiu que permanecerá no governo de Rodrigo Garcia para supervisionar as entregas de equipamentos culturais neste ano

atualizado 23/03/2022 17:32

Edilson Rodrigues/Agência Senado

O secretário de Cultura do governo de São Paulo, Sérgio Sá Leitão, não será mais candidato à Câmara dos Deputados. A decisão de permanecer até o fim da gestão estadual foi tomada nesta quarta-feira (23/3) em uma reunião com João Doria e o vice-governador, Rodrigo Garcia.

O PSDB de São Paulo planejava lançar Sá Leitão como deputado federal, mas o secretário chegou ao entendimento de que deveria seguir no governo para supervisionar as entregas de equipamentos culturais ao longo deste ano.

Entre as entregas previstas está o Novo Museu do Ipiranga, que deverá ser reinaugurado em 7 de setembro, feriado da Independência. A obra é motivo de disputa entre o governo de São Paulo e o governo federal. O secretário da Cultura de Bolsonaro, Mario Frias, ameaça barrar a reabertura do museu.

O período para candidatos se desincompatibilizarem dos cargos vai até o dia 2 de abril. Garcia, que disputará o governo estadual, assumirá a gestão com a renúncia de Doria e fará uma profunda reformulação no secretariado.

0

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna