Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Natália Portinari

Renan pensa em voltar ao comando do Senado, mas não agora

PT já encaminhou apoio a Pacheco; aliado de Lula, Renan está de olho em 2025

atualizado 08/11/2022 12:47

Imagem colorida mostra senador Renan Calheiros / Metrópoles Hugo Barreto/Metrópoles

Ex-presidente do Senado, Renan Calheiros pensa em voltar ao comando da Casa. Mas não agora. O dirigente do MDB, partido convidado para integrar a transição de Lula, avalia que o PT já consolidou o apoio à recondução de Rodrigo Pacheco, do PSD, à Presidência do Senado, como antecipou a coluna.

Renan está de olho na eleição da Mesa Diretora de 2025. Com Pacheco já reeleito e fora da jogada, o emedebista acredita que será um forte candidato. Um plano B seria tentar emplacar Renan Filho, que poderia ter menos resistência no parlamento.

Na legislatura que se iniciará no ano que vem, o Senado será composto por uma numerosa bancada de parlamentares hoje vinculados ao bolsonarismo.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna